• MATERNUTRI

A ditadura das cinco cores no prato?

Dentro da nutrição, a cor de uma refeição 🍽 é um parâmetro de qualidade. Mas diante da vida do dia-a-dia; de tantas coisas que temos que "dar conta" diariamente: casa 🏠, filhos👶, trabalho👩🏻‍⚕️, comida🥘, esposa e etc. Cada um escolhe suas batalhas e prioridades, pelo menos faço assim. Não dou conta de tudo e nem quero✌, obrigada❗️































A alimentação deveria ser prioridade para TODOS, mas obrigatoriedade de fazer comida variada, saborosa, colorida TODO DIA e ainda ter que lidar com a oscilação de apetite das crianças pode parecer uma "batalha" árdua e cansativa.


É claro que quanto mais COR 🥗tiver um prato 🍽, mais nutrientes e fitoquímicos diferentes ele terá 🙌. O que eu preciso dizer é que uma refeição NÃO precisa ter todas as cores do arco-íris 🌈para ser considerado nutritivo ❗️


Dizer que quanto mais um prato for colorido, mais atrativo ele é, também acho exagero. Muitas crianças entre 2 e 6 anos tem neofobia (fobia ao novo) por algumas cores (o verde, por exemplo), se sair colocando purpurina ou propor um pratinho com arco-íris 🌈 é capaz da criança nem comer ou fazer uma birra e pronto - acabou uma refeição que poderia ser tranquila.


Mas na nutrição, o mais importante em um cardápio é o valor nutricional. E quem disse que um prato 3 a 4 cores contendo:

1. Arroz com cenoura 🥕

2. Feijão

3. Ovo cozido 🥚

4. Salada simples de tomate e alface 🥗


Não basta❓

#meufilhonaocome#meufilhocomemal#seletividadealimentar#seletividadealimentarinfantil#5coresnoprato#maternutri

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo